NAP, Pesquisa e curiosidades – Instituto do Câncer Infantil

NAP, Pesquisa e curiosidades

Pesquisadores do ICI em conjunto com HCPA e UFRGS realizaram uma descoberta que identificou pela primeira vez um gene associado aos tipos mais graves do principal tumor cerebral maligno (meduloblastoma), que atinge crianças. No futuro, poderá auxiliar no tratamento e expectativa clínica das crianças.

O meduloblastoma é um tumor cerebral de crescimento rápido que se desenvolve no cerebelo – parte do cérebro que ajuda a controlar a coordenação e o equilíbrio. Esse tumor possui subgrupos que podem ser mais, ou menos agressivos. Utilizando análises computacionais, os pesquisadores descobriram que a presença do gene ZEB1 é aumentado no meduloblastoma comparado ao cerebelo normal. Além disso, os pacientes com tumores dos subgrupos agressivos 3 e 4  e com mais ZEB1 apresentaram uma expectativa de vida menor do que aqueles pacientes com menos ZEB1. A partir dessa informação, a equipe utilizou um medicamento já utilizado em outra doença, a esclerose múltipla, e esse tratamento diminui a atividade tumoral e a quantidade de ZEB1 nas células de medublastoma do subgrupo 3 e 4.

O próximo passo é confirmar se o medicamento mantém o efeito antitumoral em outros modelos experimentais de meduloblastoma desses subgrupos agressivos.

 

PortugueseEnglishSpanish